/  Notícias / Casa Segura Para Idosos: 25 Dicas do Que Fazer

Casa Segura Para Idosos: 25 Dicas do Que Fazer

Casa segura para idosos.
Confira 25 dicas do que fazer

► Certifique-se que todos os corredores, escadas e caminhos entre um cômodo e outro estejam bem iluminados e livres de obstáculos;
► Considere o uso de lâmpadas adicionais ou luminárias. Certifique-se que as lâmpadas são do tipo e potência corretos para cada ambiente;
► Aproveite a luz natural e certifique-se da necessidade de reduzir o brilho usando lâmpadas foscas, iluminação indireta e fechando parcialmente as cortinas;
► Invista em áreas de iluminação intermediária para facilitar a acomodação da visão do idoso na transição entre ambientes de iluminação externa e interna;
► Certifique-se que cabos elétricos e telefônicos estejam atrás de móveis e que utensílios elétricos estejam próximos de tomadas, evitando cabos espalhados pelo caminho;
► Escolha pisos antiderrapantes. Caso não seja possível, certifique-se, com frequência, que as superfícies do piso estejam secas;
► Limpe os derramamentos imediatamente;
► Remova tapetes. Caso não seja possível, fixe-os com fita ou antiderrapante;
► Escolha móveis estáveis, com altura adequada e sem bordas. Procure acomodá-los de forma que possibilite livre circulação no ambiente;
► Procure acomodar a cama e sofás próximos de interruptores de luz, telefone ou campainha de emergência ou mova-os de lugar para que fiquem próximos;
► Instale luz noturna ou luz de presença nos corredores e no acesso entre quarto e banheiro;
► Busque a instalação de interruptores e espelhos de luz visíveis no escuro;
► Instale barras de apoio para entrar e sair do chuveiro e em volta do vaso sanitário. Certifique-se que as barras estão estáveis, resistentes e na altura adequada – não utilize louças ou toalheiros para apoiar quando estiver sentado ou em pé;
► Aplique fita antiderrapante no piso da área de banho ou use tapete antiderrapante;
► Considere instalar campainha de emergência no banheiro;
► Considere aumentar a altura do vaso sanitário ou instalar elevador sanitário com ou sem barra de apoio;
► Mantenha as portas de armários e gavetas fechadas para evitar lesões e quedas;
► Procure organizar os utensílios, objetos e roupas de uso frequente em prateleiras ou parte dos armários que fiquem mais próximos do campo visual e do alcance das mãos, evitando curvar o corpo ou subir em bancos e escadas;
► Considere adicionar ganchos de parede ou prateleiras de fácil alcance para colocar itens de uso frequente;
► Instale corrimão e guarda corpo (estrutura de segurança) em escadas;
► Certifique-se que os degraus de escadas não estejam danificados ou quebrados;
► Instale faixa antiderrapante e com contraste ou de cores diferentes para aumentar a percepção da mudança de altura dos degraus;
► Instale interruptor de luz na parte superior e inferior das escadas;
► Remova carpete ou tapete que dificulte a visualização da profundidade dos degraus ao longo da escada, bem como tapetes soltos no início e término da escada;
► Procure eliminar as barreiras físicas e desníveis das áreas externas e entrada do domicílio.

Carolina Rebellato
Terapeuta Ocupacional – Especialista em Gerontologia pela SBGG
Membro da Comissão Científica de Gerontologia da SBGGRJ

#sbggrio
#geriatria
#gerontologia
#casasegura
#prevençãodequedas

Related Posts

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked.*